Saúde de Nova Andradina passa a contar com nova ambulância UTI móvel
Com a nova aquisição, Nova Andradina terá 13 unidades em operação, sendo 4 de suporte avançado e nove ambulâncias para atendimento básico.

Visando melhorar ainda mais os serviços prestados à população de Nova Andradina, a Secretaria Municipal de Saúde recebeu na manhã desta segunda-feira, dia 23, uma nova ambulância para os pacientes do município. O novo veículo vai atuar em emergências e na assistência em saúde dos moradores da cidade e zona rural.

Com recursos da Prefeitura no valor de R$ 205 mil, a UTI Móvel de suporte avançado, está equipada com desfibrilador, oxímetro e respirador, além de macas e armários para medicamentos, oxigênio e demais aparelhos de urgência e emergência.

Durante a cerimônia de entrega com a presença de autoridades do executivo e legislativo municipais, Gilberto Garcia anunciou a compra de outras 2 ambulâncias, já em processo de licitação, juntamente com mais 3 veículos de 7 lugares para uso da saúde.

“Os novos veículos serão adquiridos com recursos que conseguimos por intermédio dos vereadores e da nossa articulação junto aos deputados, mas também graças ao equilíbrio das contas do município. Eles chegam para substituir e reforçar a frota existente, pois todos os meses as ambulâncias percorrem milhares de quilômetros para atender a demanda da saúde”, frisou o prefeito.

O secretário da pasta, Sérgio Maximiano elogiou o trabalho da equipe de transporte de pacientes e a atenção do prefeito Gilberto em prol da saúde.

“Tivemos um grande salto na gestão dos serviços de transporte de pacientes do SUS em Nova Andradina, com a compra de mais veículos, a mudança de prédio e a implantação do sistema de rastreamento e monitoramento via satélite em todos os veículos pertencentes a frota da Secretaria Municipal de Saúde. O município se organizou para esse avanço nos últimos anos, proporcionando um serviço mais rápido, seguro e eficiente aos pacientes”, declarou, relembrando a época em que seu pai foi motorista de ambulância, ainda em meados dos anos 90.

Com a nova aquisição, Nova Andradina terá 13 unidades em operação, sendo 4 de suporte avançado e nove ambulâncias para atendimento básico. Uma equipe de 12 profissionais atua nas UTIs móveis, sendo necessário 4 médicos, 4 técnicos de enfermagem e 4 motoristas, todos capacitados constantemente pelo governo municipal. Já para a simples remoção, nos casos eletivos, acompanham os pacientes apenas o motorista e o técnico de enfermagem.

A solenidade de entrega da UTI móvel foi prestigiada pelo vice-prefeito Milton Sena, presidente da Câmara, Leandro Fedossi, vereadores João Dan, Arion Aislan, Fábio Zanata, Cida Valdez e Gabriela Delgado, secretários municipais e servidores da saúde.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.