Pavimentação das ruas Antônio Duarte e Espírito Santo começa a ser executada
A enorme erosão existente no local ficou no passado. A obra do asfalto, no valor de R$ 363.025,23, é executada com recursos próprios da Prefeitura de Nova Andradina

A erosão que violentamente atingiu a fazenda São Domingos e rua Antonio Duarte ficou no passado, após a conclusão das obras de reconstituição do sistema de drenagem entre os bairros Argemiro Ortega e Cristo Rei e, sobretudo, por conta das obras de recuperação do solo, construção das lagoas de contenção das águas pluviais, plantio de grama nas suas margens e cercamento da área.

Esta semana foi iniciada a última etapa da obra: a pavimentação asfáltica das ruas. A empresa vencedora da licitação – Construtora Alvorada, já trabalha na execução da terraplanagem e nivelamento das vias. O valor do investimento é de R$ 363.025,23, provenientes de recursos próprios da Prefeitura de Nova Andradina.

Segundo o secretário de infraestrutura, Júlio Cesar Castro Marques, o próximo passo é a realização das obras de pavimentação asfáltica das ruas Manoel Soares e Gracindo Abílio, ligando 100% por asfalto a praça do Argemiro Ortega até a Avenida Eulenir de Lima, no Durval Andrade Filho, via antiga boiadeira.

A reconstituição da erosão

A reconstituição da erosão ao lado do Bairro Argemiro Ortega está protegida com a implantação de um grande lago artificial de contenção de todo o volume de águas pluviais da parte oeste da região central da cidade.

A obra iniciada ao fim de 2019 sofreu agravamento com o avanço da erosão que chegou a engolir uma residência da Rua Espírito Santo e parte das Ruas Antônio Duarte e Manoel Soares, hoje com sistema de drenagem reconstituído e que agora começam a receber obras de pavimentação asfáltica.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.